À Briga


Hoje andei à briga com o vento.

O gajo quis tirar-me o chapéu das mãos, ainda tentou esventra-lo e "leva-lo aos arames" mas eu depois de um puxa para cá puxa para lá...consegui fechá-lo a tempo.

Se o vento tivesse rosto tinha-lhe cuspido na cara...mas...pronto...assim fui eu que levei com a chuva na cara...chapéu fechado... mas sempre a resmungar...que não fiz a coisa por menos.

Que pena já ser grande!



Há dia (hoje é um desses dias) em que me apetece esponjar-me no chão e fazer birra, com gritos, esperneamentos e bracejamentos (tudo o que uma birra tem direito)...como os meninos pequenos.


Que pena já ser grande!


Coisas boas das coisas más


Coisas más: acordar às 4 da matina sobressaltada com o telefone a tocar estridentemente e saber à partida que me vou levantar

a coisa boa é que estava a ter sonhos muito esquisitos e um bocadinho assustadores;


Coisas más: conduzir de noite novamente a caminho das urgências com o progenitor, ao lado, cheio de dores

a coisa boa é ter a estrada só para mim;


Coisas más: Chegada às urgências saber que "tenho" que esperar pelo resultado das análises e ser posta porta fora...

a coisa boa é ter o parque de estacionamento quase só para mim e tentar bater uma sorna.


Coisas más: ter frio dentro do carro e dormir toda mal posta

a coisa boa é ser "acordada" pelo chilrear de mil passarinhos (ainda antes do meu despertador tocar);


Coisas más: esperar por informação até às 10 da manhã

a coisa boa é acabei o livro que estava a ler (spoiler: Die nadel foi capturado e neutralizado);

Coisas más: o meu pai ficar internado

a coisa boa é o meu pai ficar internado pode significar que a sua operação à próstata (anteriormente agendada para dia 25 terça feira) seja feita em condições já previamente controladas à sua saúde. Quem sabe a fazem mais cedo e assim mais depressa acaba o sofrimento dele.

E depois chamam-lhes ladrões...


Passo, todos os dias, por uma caixa multibanco (por várias mas geralmente quando quero dinheiro é nesta que paro) cujas teclas de digitação e a própria ranhura onde se introduz o cartão, estão tão sujas mas tão sujas que já começa a meter nojo (só falta aquilo começar a ficar peganhento).

A caixa está no lado de fora de uma agência bancária...ora não podia vir, de lá de dentro, alguém com brio e principalmente com um paninho húmido e limpar aquilo?

Depois chamam ladrões ao pessoal que pára com carrinhas e tentam remover as máquinas da parede...quando eles, no fundo, só estão a tentar "limpá-las".

Brio...brio é o que falta...e um paninho ;)

Piada sobre neutrino


Neutrino walks into a bar...



... 60 nanoseconds later he asks:


"Why is it so dark in here?"
.

Tão fofinho

Muito bem feito... e acaba por ser ternurento...um pouco...

video

Sem net...sucks


Estou sem linha de telefone em casa.

O meu vizinho tem. Toca bem alto para todos ouvirem. O meu pai tem.

Eu não tenho. Avaria dizem!

36 horas disseram "eles" para esperar. 36 horas????

Ontem foi feriado, tive todo o dia em casa. Sem telefone. Não faz mal não ter telefone o pior é que sem telefone não tenho Internet. A caneta do sapo...não tinha rede.

Isolada do mundo virtual. 36 horas???

36 horas sem internet? Com ou sem feriado?

Ontem foi só um dia. Achei coisas para me entreter, gavetas para limpar e arrumar, brinquedos destruídos para o lixo, até zuma joguei.


Se hoje continuar sem linha vou começar a ressacar...

Altruismo ou egoismo?


Isto não pára...são umas atrás da outras!

Umas agora...as outras ficam para depois...

Recebi um "convite para o baile da policia de transito"

O carro é meu. A velocidade, aparentemente, foi transgredida...mas não era eu a condutora. O condutor já conta com um destes convites no lombo...e agora...

A questão é...devo deixar aceitar "o convite" em meu nome porque pago menos por nunca ter transgredido?

Ou

Devo identificar o condutor, pagar o dobro mas ficar com o "meu nome limpo"?

Que fazer???