Análise geral

Bom...como qualquer pessoa que tem um blog...é natural haver uma certa curiosidade no que se "passa" noutros blogs. Tenta-se "avaliar" o outro pelas ideias que transmite mas quem vê blogs não vê Pessoas. Há blogs que têm a sua piada ou o seu quê...que nos chamam a atenção e que nos atraiem a uma visita mais regular. Eu vou deixando alguns comentários mas ultimamente o tempo escasseia e o cansaço também não ajuda e consequentemente os meus comentários reduziram. Assim vou dando prioridade ao meu blog principal...os outros estão um bocadinho negligenciados...e depois vou fazer umas "visitinhas"...mas nem sempre faço comentário...como acho que sucede com outros bloguistas ou blogueiros (?)
Na blogoesfera encontra-se de tudo...desde blogs só de fotos, só de vídeos, a blogs de notícias comentadas, de politica, de futebol mas os que gosto são os intimistas...claro...LOL (cusca). Dentro destes encontram-se verdadeiras aberrações e verdadeiras preciosidades. Para mim as aberrações passam não pelo conteúdo, porque cada um diz o que quer, mas pela forma como as pessoas expressam esse conteúdo (e não falo de erros ortográficos pontuais)! As preciosidades são aqueles que...bom...não só a maneira como escrevem é absolutamente deliciosa como os pensamentos transmitidos são claros e acessíveis!
Há ainda a diferença entre blogs de mulheres e de homens. A diferença é bem nítida diga-se de passagem...ou melhor...hummm...não sei muito bem explicar este fio de raciocínio...vou tentar:
As mulheres "desabafam", explicam, examinam, avaliam, deprimem...algumas...arriscarei a dizer que choram nas palavras...há excepções!
Os homens "fecham-se" nos sentimentos e escrevem sobre o mundo, os outros, o futebol...alguns abominam, chateiam, criticam e explicam outras coisas mundanas...há excepções!
Mas não deixa de ser "engraçado" esta explosão de gente, na qual eu me incluo inequivocamente, que debitam as suas ideias e que fazem "companhia" umas às outras!

Fiquem-se com este vídeo sobre blogs ;)

Nada mais importa...

Ao deambular no mundo dos Blogs entrei no blog da Velvetsatine e vi a referência aos Metálica.
Como também gosto deles por me trazerem algumas recordações de outros tempos e para não repetir a música que ela postou no dela deixo esta, por aqui, que é uma das minhas preferidas!




So close no matter how far
Couldn't be much more from the heart
Forever trusting who we are
And nothing else matters
Never opened myself this way
Life is ours, we live it our way
All these words
I don't just say
And nothing else matters
Trust I seek and I find in you
Every day for us something new
Open mind for a different view
And nothing else matters
[Chorus:]
Never cared for what they do
Never cared for what they know
But I know
So close no matter how far
Couldn't be much more from the heart
Forever trusting who we are
And nothing else matters
[Chorus]
Never opened myself this way
Life is ours, we live it our way
All these words I don't just say
Trust I seek and I find in you
Every day for us something new
Open mind for a different view
And nothing else matters
Never cared for what they say
Never cared for games they play
Never cared for what they do
Never cared for what they know
And I know
So close no matter how far
Couldn't be much more from the heart
Forever trusting who we are
No, nothing else matters

Dejá vu


Vi também este filme, finalmente! E que dizer? O conceito do filme estava bom...ir ao passado e tal...ver que se podiam influenciar os acontecimentos futuros......mas quando se tenta racionalizar os eventos...falha ali qualquer coisa!
Spoiler: No presente, os sinais indicavam coisas do passado que só podiam ter acontecido no futuro! Confuso não? Mas foi isto que aconteceu ou pelo menos como eu o interpretei.
Deja vu? Talvez...se pensarmos no Matrix...talvez...se pensarmos que tudo o que se encontra no futuro vai influenciar o passado.
Deja vu? Eu tinha um conceito diferente para isto...pensava que no passado tinha acontecido coisas que se repetiriam no presente levando-nos a ter aquela sensação de repetição...afinal...fiquei baralhada.LOL
A personagem do Denzel era muito cativante...será que há pessoas assim?

SHREK

Ontem lá fui eu, sozinha, ver o Shrek3. Tentei angariar o pessoal amigo, que sempre que eu falo em cinema me diz : Ah e tal qualquer dia temos e ir ver um filme..., mas niguém quis! A minha fiel companheira de filmes, infelizmente para mim, ontem não pôde e quando estendi o convite para os demais...já toda a gente estava ocupada!
Não fez mal! Nenhum mesmo!
Afinal tenho que me habituar a fazer algumas coisas sozinhas e esta vai passar a ser uma delas.
No fim (durante) ri-me como rio sempre e passei um bom momento como passo sempre ;).
O filme tem momentos de bom humor mas não acrescenta nada de mais ao que se tem visto nos filmes para crianças/adolescentes a não ser, claro, um retratamento às princesas dos contos de fadas (Branca de Neve, Cinderela, Bela adormecida e Rapunzel) e, nesse sentido, o momento mais alto do filme foi a passagem de um género de música "encatada", levada a cabo pela BdN, para uma música mais actual.

Atão cá vai...mais uma da Sónia

Não tem tanta piada como a outra mas vale...;)

Afinal a risada saiu-lhe caro

Andava eu, no uiui ui tubi, à procura de mais um video da Sónia e fui dar com este video que postei à pouco tempo (outra versão). Este tem a justificação do apresentador e do que ele acha que foi "aquilo". Está legendado em Brasileiro (eu gosto sobretudo da parte em que o apresentador ri e quem legendou "traduziu" - Risada pra caralho) e assim já se entende o que se passou no programa "Bomerang"

Poema de F.P.



Quando estou só reconheço
Se por momentos me esqueço
Que existo entre outros que são
Como eu sós, salvo que estão
Alheados desde o começo.

E se sinto quanto estou
Verdadeiramente só,
Sinto-me livre mas triste.
Vou livre para onde vou,
Mas onde vou nada existe.

Creio contudo que a vida
Devidamente entendida
É toda assim, toda assim.
Por isso passo por mim
Como por cousa esquecida.
Fernando Pessoa

Doing nothing


E quem é que está quase, quase a ter três semaninhas disto???? he he he

American Idols

Tal como (Like) a virgin ele devia ser...talvez um pouco humilde...sei lá!

Ou então os juris não souberam dar-lhe o devido valor...sei lá.

O que é isto pá....?


Quando adormeces e fica um vazio
Quando me tocas o corpo quieto e frio ...atão um home quando é tocado fica...quieto e frio?
Mesmo que o sintas não dizes nada ...ela sente-o...frio e quieto eláaaa e não diz nada?
Quando me abraças tudo estremece ...agora não percebi...se fica quieto como é que "tudo estremece"?
Quando me beijas o escuro enlouquece ...hummmm não é ele é o escuro...que será que ele quer dizer...metaforicamente falando (?)...será que quer dizer que vê o "escuro" a clarear ?
Tu não sentes nem sabes nada ...então só porque não sente o escuro a enlouquecer...ele diz que ela não sabe nada?
Não dizes nada se não estou ...opa se ele não está ela fala com quem...com as paredes(?)...estes gajos...pffff
Ficas calada se me vou ...eu cá acho que a gaja não gosta de ti...hellllloooooo!!!!
Tu não sabes nada de nada ...nem quer saber...já tás a ficar chato....
Pouco te importa a quem me dou ...tens que te dar com alguém né? o teu mundo não pode ser só de duas pessoas...tu e ela...porque raio ela haveria de se importar? ...hummm...a quem te dás...hummm...tens outra desgraçado? Outro? aiaiaiaiaiaia
Nunca lutaste por quem eu sou ...bem para já, pareces ser um cadiiiittttto chatinhoooo
Eu estava certo e tu errada ...bom...a ver... à excepção da loucura que deu na escuridão que mais disseste para estares certo(?)...é que me tá a parecer que queres chamar burra à gaja...assim...sem ver de quê...apetece-te!
Quando me aqueces fico nos teus braços ...olha...agora já te aquece...não deve ter sido quando te tocou...que aí ficaste frio e hirto...hirto queria ela, ficaste foi quieto...pfffff
Quando me esqueces eu perco os teus passos ...LOL...se perdes os passos dela porque teimas em dizer que ela não sabe de nada...opa...tu é que te desorientas...falta de GPS...sei lá...
Nem tu sentes mesmo nada ...como é que ela há-de sentir...já lhe disseste que te perdeste...não, claro que não os homens nunca admitem que se perdem...gajos opá...pfffff
Quando o teu suspirar rompe o silêncio ...diz-lhe homem! Diz-lhe qu ete perdeste...é claro que ela tem que suspirar já se apercebeu né? Tás perdido...admite!
Quando te perdes por momentos ...olha...agora acusas a moça...helllloooo...foste tu que te perdeste...dahhhhh!!!!
Tu não sabes mesmo nada, nada .... ela não te quer é dizer! Não é não saber...opa...é que teimas em chamar-lhe burra... quem se perdeu...quem foi? Foi ela? Não me pareeeeece...
Não dizes nada se não estou ...pronto e repetes-te...já te disse que eras chatinnhoooooo?
Ficas calada se me vou ...chatooooo
Tu não sabes nada de nada ....sabe sim...só que resolveu não gastar a energia em palavras
Pouco te importa a quem me dou ...chatooooo
Nunca lutaste por quem eu sou ...não vale a pena
Eu estava certo e tu errada ...pfffff...burro és tu e chatooooo
Quando te toco pela última vez ...sim?
E o trem arranca depois das três ...o trem? O comboio...queres tu dizer...
A hora, já estava marcada ...pois geralmente os transportes públicos têm a hora marcada...


Ps: A letra desta música é do João Pedro Pais "nada de nada", eu francamente só cantarolava esta parte até hoje...ter ouvido...com mais atenção tamanho...disparate! Ou será que eu interpretei isto mal?

Leituras em dia...


Tive que adiar todas as outras leituras que tinha em curso...e vou já avisando que largar Bernard Cornwell não é para qualquer um... para começar um livro fascinante que me vai deixar ocupada durante uns tempos...este e a sequela.
Já em tempos tinha lido este livro e confesso que me ta a dar um certo prazer relê-lo...confesso sim! É novo e cheira a novo. Adoro o cheiro dos livros!
Eu estou a evitar a todo o custo contar a história deste livro. Não queria dar dicas porque também ainda vou na 72ª página mas vou abrir um pouco o véu. Além disso, também acho que esta leitura é indispensável às pessoas que, como eu, vêem certas e determinadas situações no dia a dia profissional.
Spoiler serei então (pareço o mestre yoda a falar): O livro tem apenas uma personagem principal e toda o conteúdo gira à volta dela. O nome da personagem é Iva e o percurso que ela faz é absolutamente ordenadinho. Ela segue à risca a lei e contorna todos os eventualidades de ser mal interpretada. Qualquer palavra que possa sugerir falsas ideias é quase imediatamente explicada. Transparência acima de tudo é a máxima a aplicar. Este livro revela, quase à semelhança do Código de Da Vinci, o percurso, dando todas as dicas legais, da personagem dentro do território nacional, intracomunitário e externo. O caminho é longo, por vezes fala-se em transportes mas...Iva pode ser isenta a várias ocorrências...e por enquanto ainda vou só por aqui...vou pegar agora no código e ler mais um bocadinho que me está a apetecer.

Ahhh...que distração a minha, não disse o nome do livro...ehehehehe...para quem estiver curioso e queira também dar uma vistinha de olhos o nome do livro é CIVA!

Ps: CIVA = Código do Imposto sobre o valor Acrescentado, AKA, código do IVA. ehehehheeh Sendo que a sequela é O código do IRS e IRC. Eu bem disse que teria umas leituras mais intelectuais LOL.

Palavras Cruzadas


Entrou no café como o faz todos os dias. Com a mesma desenvoltura e aparente segurança de todos os dias. Conhece todas as empregadas pelo nome e trata-as com uma delicadeza e educação de tempos idos. Nenhuma lhe conhece o nome mas também não lhes importa. Só lhe reconhecem o rosto devido à repetição diária de o verem chegar. Provavelmente não lhe dariam pela falta quando deixasse de lá ir. Tal qual como também não dão pela sua presença. Pede o mesmo de sempre, para não quebrar rotinas, e senta-se a ler o jornal. Páginas cheias de sangue, pessoas cheias de pecados, notícias cheias de mentiras. Na verdade não lê... passa com os olhos... talvez seja do hábito de os ter apontados para baixo.
Volta a repetir o pedido, quase como quem pede desculpa por estar a incomodar, quase como quem pede sem ter que usar a voz. Começa a fazer as palavras-cruzadas. Quem por lá pára se o tivesse que descrever fazia-o provavelmente para dizer apenas “É o Homem das Palavras-cruzadas”. A bem da verdade não as faz. Nunca conseguiu terminar. E a meio cansa-se daquela escrita que é feita ora na vertical, ora na horizontal para inventar palavras pelo meio. Nas intersecções temos sempre que inventar qualquer coisa, ele fazia-o em pequenas quadrados onde apenas uma letra cabe.
As conversas acontecem sem o ter em conta e às perguntas que surgem dele nunca ninguém ficava à espera das respostas. Assim como ele nunca esperava que a pergunta lhe fosse dirigida. As palavras, da mesma espécie que ele tentava cingir em pequenos quadrados num papel sujo de jornal, flutuavam ao seu lado. A sua invisibilidade tapa-o dos olhares dos outros... acredito que houvesse vezes em que só viam uma caneta a escrever em cima dum jornal... será que reparariam em quem escrevia?
Amanhã vai entrar de novo no café como todos os dias faz. E as palavras lá estarão à espera dele para que as cruze.

Conversas no MSN


Ele:bem, e a tua constipacao esta melhor ? e o dedo ja caiu ? :-D
Eu: :(
a constipação ta na última fase
Ele: ohhh que foi ?
Eu: parece que tenho o ranho nos ouvidos
Ele: o que ?!?
Eu: ou seja ouço mal...
qd as pessoas falam comigo
Ele: bem, isso nao é cera ?
ou uma otite ?
Eu: lol
podia ser
Ele: eu sou especialista em otites :-D
Eu:mas às vezes assoo-me
e sai ranho às pipas
Ele: eu durante anos todos os anos tinha uma :P
Eu: e não sei onde pode estar
só pode estar nos ouvidos
Ele: lol
Eu: por isso é que ouço mal
e depois os barulhinhos mais pequeninos...
ouço tudo até me fazerem tonturas
nem imaginas a tortura que foi
Ele: haa isso e normal :P
Eu: trazer o carro para casa hoje...ppfffff
pois...
por isso deve estar na ultima fase
Ele: entao nao ouvias todo o pessoal a apitar-te :-D
Eu: o dedo do pé ta negrote
pois não...lol
embora os visse a fazerem sinais estranhos com as mãos
Ele: eu uma vez no futebol fiquei com o dedo também pisado :(
Eu:mas julgava que era só a cumprimentarem-me
lol
Ele: a unha ficou toda negra e caiu :P
Eu:(brincadeira)
Ele:mas cresceu novamente
Eu:uiiii
Ele:foi a primeira vez que alguma coisa no meu corpo caiu e cresceu novamente lol
Eu:poxa...e espero k te fiques só por aí
porque tenho a impressão
Ele: lol
eu também :P
Eu:que além de unhas e pêlos
se alguma coisa mais cair...
já não deve voltar a crescer
digo eu
Ele: pois raios ... espero que não
que tudo me faz falta :-D
Eu: LOL

Último adeus



Voltaste?
Que coisa boa de saber!! Se voltaste sê então bem-vindo!
Abro-te os braços na expectativa de um abraço e deixo os meus olhos darem-te o meu mais bonito sorriso!
Voltaste?

A dor que a tua partida provocou já sarou... demorou uns aninhos mas já sarou! Só assim te posso sorrir!

Voltaste?

Será que a felicidade é isto que sinto dentro do peito? Estou tão contente que tenhas voltado!! Soubesse que te encontrava aqui e teria trazido balões para festejarmos com cores.

Voltaste!
E por te saber aqui já sei que agora posso eu partir!

Mapa Astral


Não que faça caso destas coisas...dos signos, sinas, mapas astrais...mas ultimamente as coisas andam num rodopio e parece que fu atingida por uma onda de pouca sorte.
Fosga-se...
Eu sei que metade das coisas tem a sua origem na PDI (Puta da Idade) mas porra eu tou mais desajeitada que nunca...cai-me tudo das mão...baixo-me para apanhar, dou um cabeçada não sei onde, parece um filme cómico, só que sem graça nenhuma, fico furiosa e entro em ebulição num rol de asneiras verbalizadas bem alto para quem quer (ou não) ouvir!
Meti 3 dias de férias e fiquei doente (constipada)...e aqui ando eu, toda ranhosa com o nariz assado, com os olhos lacrimosos e cheia de dores de cabeça...Ricas férias!
Não basta este estado, de pouca sorte, ainda tenho o de trapalhona a roçar-se por mim acima ou por mim abaixo.
Hoje quando arrumava as compras na dispensa deixo cair uns sacos de papel no chão, olho para eles...distraí-me com a intensão de os apanhar e quando dou por mim estou agarrada ao pé...é que tinha uma garrafa de àgua na mão que caiu e foi acertar justamente no dedo mais pequenino...agora ando ao pé-coxinho, com o dedo inchado e negro e com o nariz a pingar...e isto foi só hoje...Vou ter que consultar algum mapa astral para ver se Marte anda para aqui a influenciar algum dos outros planetas porque francamente às vezes só me apetece partir tudo...e não fosse eu ficar partidinha até partia...mas com a sorte que tenho...o melhor é ficar sossegadita!

Bom...vou vendo...filmes e séries e tal ;)...mas que dói, dói!

Pppffffffff...raios!

Pequeno almoço...

Simplesmente fenomenal, dentro do género. Que dizer sobre este filme?Nem sei...nem toda a gente gostará...mais um filme sem um final conclusivo a não ser (Spoiler:) a aceitação de que depois de tomar o pequeno almoço em Plutão a Dama Fantasma fará parte da sua vida...definitivamente em si mesmo!

CITAÇÕES:

“Patrick "Kitten" Braden - And the other thing about the Phantom Lady was, Bert, she realized, in the city that never sleeps...
Bertie - What did she realize, Kitten?
Patrick "Kitten" Braden - That all the songs she'd listened to, all the love songs, that they were only songs.
Bertie - What's wrong with that?
Patrick "Kitten" Braden - Nothing, if you don't believe in them. But she did, you see. She believed in enchanted evenings, and she believed that a small cloud passed overhead and cried down on a flower bed, and she even believed there was breakfast to be had...

Bertie - Where?
Patrick "Kitten" Braden - On Pluto. The mysterious, icy wastes of Pluto.”

CILLIAN MURPHY (Patrick "Kitten" Braden) e STEPHEN REA (Bertie)

Ao nível do actor do filme "Capote" também este actor merecia um Óscar.

I need a heroe or... heroes

Depois de ver em alguns blogs que esta série valia a pena...experimentei...pedi o primeiro episódio para dar uma olhadela e agora...estou viciada!
Por isso vou ver o 5º, seguido do 6º até chegar ao 23º e já cá venho...LOL

Gajas...2


Ai credo e não é que aquelas duas gajas lá estavam outra vez...na maior das descontrações a verem os comboios a passarem e a apitarem uns aos outros.
Riam-se e riam-se, uiiiiiiiiiiiiiii! Houve uma das vezes que se riram as duas...acho que por força do hábito...porque nada foi dito...apenas se desataram as duas a rir até às lágrima! Ai porra como faz bem!


Contava uma à outra ( e já nem sei a que propósito surgiu esta conversa):
Uma: -Sabes que quando eu e o N**** namorávamos uma das vezes que fomos à praia...hmmmm...digamos que teve um gosto especial.
Outra: - Ah foi? Então?
Uma: - Então, estavámos a brincar na àgua. Um empurrava o outro e atirávamos àgua para cima um do outro e às tantas eu fui abaixo e enganei-me, em vez de respirar cá fora respirei lá dentro e engoli um pirolito...
Outra: - ahhhh (com grande espectativa e a ouvir atentamente) e?
Uma: - Quando venho acima óbvio que tive que cuspir a água para fora e por acaso ele estava à minha frente e acertei na cara dele.
Outra: - Sim (suspense)
Uma: - e ele não tem mais nada, pensava que eu estava a brincar com ele, puxou pela garganta e atira-me com uma escarreta à cara.
Outra: - que romântico
Uma: Foi o que eu lhe disse na altura!
Claro que a cena acabou em risos. Depois a Uma ainda diz: Ahhhh mas a história das escarretas com o N*** não se ficam por aqui...houve uma vez que ele puxa uma dentro do carro e atira-a pela janela...só que a janela estava fechada...e aquilo ficou a escorrar pelo lado de dentro do vidro...
Bom escusado será dizer que a Outra e a Uma se desmacharam a rir até a Outra sair no Oriente.


P.S: Ai credo, ó se faz favor vocês desculpem mas isto não sai nada de jeito desta cabecinha...qualquer dia...escrevo uma coisa mais intelectual...qualquer dia...não é amanhã! Um destes dias vou ter que pegar num manual de fiscalidade e opois é que quero ver se sai ou não sai aqui um texto porreiro sobre por exemplo...o IVA ;)...é coisa para isso!

Gajas...

Não sei muito bem como começar este texto...Não sei se hei-de fingir que não se passou comigo ou se digo que fui eu...hmmmm...

Vou fingir que não fui eu, entretanto se mudar de ideia edito o texto eheheheee.

Ontem duas gajas sairam do emprego e foram para a estação. A gaja mais baixinha ia a brincar com uma bola florescente que comprou supostamente para o puto (mas que é mentira...comprou para seu belo prazer) e ia a pensar que ia fazer daquele "brinquedo" a nova moda do verão. E a mais alta ia a contar histórias a desabafar...e iam meio a rir com tanta parvoíce!

Bom...chegaram à estação sentaram-se como habitualmente e começou a verborreia mais grave. É que na posição de sentadas a boca abre-se mais, sei lá...deve ser como os peixes na àgua quando pensam que há paozinho, sei lá.

A mais baixa ainda brincava com a bola, género yoyo mas com luzes psicadélicas, e a mais alta decidiu experimentar. A mais baixa pensou: Boa! Vai pegar a moda!
Nisto quando estavam as duas distraidas com o movimento da bola o sr. maquinista decidiu apitar com muito mais intensidade do que costume. A mais alta, grita e acompanha o senhor do apito a mais baixa ouve a outra gritar e grita também para ser solidária. No meio de tanto grito e apito começam a sair aqueles risos nervosos, só para não dizer histéricos, e há uma das meninas (a mais alta) que não se contem e começa a chorar....de tanto riso!

E depois não querendo desperdiçar as lágrimas diz: Ai ai ai ....ele trocou-me por outra mulher!
e a mais baixa: pois foi, e logo pela mulher dele...raios!
E pronto mais lágrimas...de tanto riso.
E ainda as ouvi falar mais no comboio mas essa conversa ai jasus...tinha a ver com sexo....hmmmmm...fugidio...vamos por a coisa desta maneira! Claro que não posso agora revelar de que maneira ele fugia...mas que fugia, fugia...digo eu...devia ser talvez do andamento do comboio.

Mas as tipas eram mesmo chanfradinhas de todo...só faltavam baterem palminhas e emitirem gritos como as focas!

Bom...não tem muita piada assim contado...talvez no próximo quem sabe? ;)

Scenes of a sexual nature#3


Estes são os protagonistas dos diálogos anteriores. O filme em si podia ser bom. Aborda vários temas e o amor sobre várias perspectivas. Mas...deixa um bocadinho a desejar! Quase ao estilo de "Love actualy" mas sem qualquer ligação entre as personagens e com histórias a rondar um pouco o estapafúrdio...este foi o diálogo que mais me deliciou. No fundo porque acho que ela representa muito bem as mulheres, em geral, que analisa tudo o que é dito e ele o homem engatatão, que se quer fazer passar por inteligente e acaba por só dizer bacoradas.

Scenes of a sexual nature #2

Ela vai recostar-se numa árvore e senta-se perto da raiz: Está tudo bem…pode ir embora agora.
Ele2: oh, oh, posso?
Ela: Sim pode ir agora.
Ele2: ok.tá bom, ok. Então você está bem?
Ela: Estou bem. Obrigada pela preocupação.
Ele2 olha em redor e dirigiu-se para ela com a mão direita esticada: O meu nome é Noel. Como Gallagher.
Ela: e Edmonds
Ele2: Oh Deus. Figas.
Ela sorri. Riem-se os dois e ele2 pergunta: Qual é o seu nome?
Ela: Ana
Ele2: oh, como a Kournikova
Ela: e como ela, eu gosto de passar um tempo sozinha. Sem onfensa.
Ele2:Oh nenhuma. Vou deixa-la então!
Ele olha em redor dá mais uns estalidos com as mãos e senta-se ao lado dela, em cima de uma raiz da árvore.
Ela olha surpreendida: O que está a fazer?
Ele2 pondo as mãos em estilo zen: Estou a deixa-la sozinha, certo? Agora se não se importa, fique quieta que preciso de me concentrar.
Ela abre a boca com tamanho descaramento: Está a conseguir avançar.
Ele sorri com os olhos fechados e a boca aberta a mascar pastilha: Não me debia alimentar as minhas esperanças desse jeito.
Ela sorrindo: está a falar a sério? Não se vai embora?
Ele2: Falo.
Ela: Eu podia gritar.
Ele2:Então grite!
Ela: Eu podia fazer com que fosse preso. Diria que tentou tocar-me.
Ele abre um olho inclina-se e toca-lhe na perna. Ela olha para a mão dele em cima da sua perna.
Ele2: Bom, não vá abaixo por causa disso...Sabe uma coisa? Acho que tou a forçar a barra. Vou-me embora. Desculpe.
Ela: Pode ficar.
(…)
Ele2: já alguém alguma vez lhe disse que tem os olhos grandes?
Ela: faça um esforço
Ele2: Não, a sério. Você tem olhos grandes. O que bom porque assim tendem a tirar o foco do nariz.
Ela: O que tem o meu nariz de errado?
Ele2: nada. Você tem um bom nariz.
Ela: Está a falar a sério? Está a dizer que tenho um nariz grande?
Ele2: Não, grande não.
Ela: então?
Ele2: O que estou a dizer é que mesmo que tivesse um nariz ridículo, não importava que nariz tem porque esses olhos sobreporão sempre…
Ela: Sobreporão?
Ele2: Bem…você tem um nariz bonito…o que quero dizer é que se não tivesse não importava por causa dos olhos. Que não tem mas se tivesse, eu nem notaria o que não fiz até agora. E agora que reparei é um bom e nariz. É, è bom. Você tem um bom nariz.
Ela com as mãos na cabeça levanta-se: Você não tem ideia de com quem está lidando.(…) que porra você pensa que é? Aparecendo do nada, fazendo perguntas pessoais (….) e senta-se aqui perto de mim…eu, uma atraente, solteira, mulher vulnerável…você senta-se e diz-me que tenho um nariz lindo. Como se atreve?
Ele2: Bem…desculpe…sinto muito…sinto muito por tê-la elogiado. Foi muito insensível da minha parte.
Ela: Sim. Foi uma merda. Nem um pouco de originalidade. Homens de merda são uma coisa mas elogios de merda são imperdoáveis.
Ele2: Ok. Ok foi tudo uma merda. (…) Eu pensei ela é muito gira e muito vulnerável e eu estou com muita tesão. Por isso, sim, tem razão.
Ela: eu sei que tenho razão.
Ele2: E tem.
Ela: Eu sei!
Ele2: Então o que eu fiz?
Ela: merda!
Ele 2: Bom…não me pode culpar por tentar.
Ela: Bom…não me pode culpar por lhe dizer vai-te embora
Ele2: não.
Ela: então o que está à espera?
Ele 2: Bom…você não gritou.
Ela: tem razão…
Ele2: tenho?
Ela: vamos faze-lo!
Ele2: Faze-lo? Que está a dizer?
Ela. Tou a dizer que quero fode-lo.
Ele2: está a dizer...
Ela: sim…quero fode-lo…quero fode-lo
Ele2: pare de dize-lo porque agora está a confundir-me. Só queria saber se queria ir beber comigo.
Ela: mas acabei de dizer que queria fode-lo!
Ele2: oh, oh quer mesmo?
Ela: como regra não gosto que me perguntem uma dúzia de vezes.
Ele2: Ok ok…certo!
(…)
Ele 2:então isso quer dizer que aquelas deixas…funcionaram?
Ela: Não foram uma merda. Na verdade se não tivesse dito nada eu tinha-o fodido mais cedo. (…) vá vamos.
Ele2: O quê agora? - Ela acena com a cabeça – Ok. Onde vive?
Ela: aqui…
Ele 2: Aqui? Agora?
Ela: bem aqui. - ela puxa-o para trás da árvore e despe-o quando ele tem as calças em baixo agarra-lhe na cabeça e olha-lhe nos olhos…ele pergunta o que foi e ela responde: desaparece, aborreces-me!

Cenas de "Scenes of a sexual nature"

Ela olha amargurada para ele. Eles discutem num parque público.
Ela: O que vais fazer?
Ele1: Queres que eu vá?
Ela: Quero que te tomes uma decisão!
Ele: OK, Ok…muito bem…tomarei! Se eu for…então…
Ela: Tu aborreces-me…
Ele1: Aborreço-te?
Ela: Sim…de morte.
Ele1: Ok...
Ela: Estou farta, fartinha…
Ele1: És incrível!
Ela: Isso não é interessante! Agora…toma a merda de uma decisão! E tem a certeza de que não seja estúpida.
Ele1, olha para ela transtornado: Estás a obrigar-me a fazer isto!
Ela abana a cabeça e deixa as lágrimas caírem: Assume a tua responsabilidade.
Ele sem dizer mais uma palavra deixa-a no jardim sozinha. Afasta-se sem olhar uma única vez para trás.

Ela vê-o afastar-se e é interrompida dos seus pensamentos pelo Ele2.
Ele2: Você está bem, amor?
Ela olha para ele de cima abaixo julgando ter ouvido mal.
Ele2: Eu estava a passar e não pude deixar de notar que, observando à distância que parece meio louca.
Ela recua surpreendida com tamanho descaramento.
Ele2: Quero dizer, olhe, se você é meio louca, está tudo dito. Mas você não me assusta, creio que seja mentalmente sã. Ultimamente, não tenho tido nenhum caso de distúrbio mental mas geralmente, eles não se parecem com você, porque eu tenho-os visto pela TV. E se eles se parecessem como você então eu deveria ter de me deitar lá em minha própria merda (atenção que isto é pretensamente uma conversa de engate) tão rápido quanto você diria, “Passe-me as suas cuecas, enfermeira”, entendeu?
Ela olha estupefacta para ele, sem conseguir dizer seja o que for.
Ele2:ahhhh…olhe, se interpretei mal as coisas, então, erm…desculpe!
Ele começa-se a afastar embaraçado quando ela finalmente lhe consegue dirigir a palavra.
Ela: Você existe?
Ele 2: Ela fala!
Ela: Falo!
Ele2. O que é bom saber…
Ela: Que quis dizer, quando disse que ele se parecessem comigo?
Ele2: Desculpe?
Ela: Como é que pareço?
Ele2: Bom…você é uma…você é uma boa ave…
Ela: um beija flor...?
Ele2: Bom, sim, se preferir.
Ela: Você tem filhos?
Ele2: Caramba! Nem te paguei um copo ainda.
Ela: É muito novo para ser pai.
Ele2: sou.
Ela: que idade tem?
Ele2 : 25
Ela: Ahhh…isso não é muito novo.
Ele2: Eiiii….talvez não tão jovem mas ainda assim jovem.
Ela: comparado com quê?
Ele2:Ahummm…com o telefone. Sim, definitivamente mais jovem que o telefone.
Ela desmancha-se a rir: Pois é.
Ele sorri todo contento e dá uns estalidos com os dedos: E você é nova comparada com o quê?
Ela pensa que ouviu mal: O quê?
Ele 2 mastigando pastilha descontraidamente: Eu disse o que é velho comparado com você?
Ela: Que merda de perguntas são essas?
Ele2: porquê?
Ela com o rosto torcido num espasmo de dor emocional: Que raio de perguntas cretinas são essas?
Ele2: São as suas perguntas.

Príncipes...



São várias as pessoas que em diferentes conversas me falam em príncipes. Uma pessoa fica a pensar né? Quer dizer uma mulher embora saiba que isso não existe está sempre à espera que lhe caia um aos pés né? É quase como acreditar no Pai Natal né? Sabemos que ele não existe mas teimamos em dizer que o rodolfo anda assim meio pó bêbado e vamos sempre à procura da prendinha no sapatico...ou meia...ou collants...aquela coisa pendurada na chaminé.
No outro dia conversava com um amigo que me disse que a namorada dele esperava que ele fosse um príncipe. Quando lhe perguntei em que contexto ela se referia ele recusou-se a dar-me mais pormenores...e que não tinha percebido e tal...(ele vai-me matar quando ler isto...ai Jasus!).
Não o pude ajudar a encaminhar-se nesse sentido...se bem que príncipes, príncipes...só mesmo o Schrek né? Esse...rules!
Ontem vi a branca de neve!
Spoiler! LOL! Não havia príncipes, a bruxa chamava-se Claudia (as coisas que uma pessoa vê na TV...pppffffff) e a branca de Neve, Liliana, os 7 anões eram grandes e maus...ela não limpou porra de casa nenhuma, foi para uma mina trabalhar com os anões, que não eram. O pai dela estava doentissimo quase a morrer quando teve sexo com a tal Claudia (a actriz era aquela dos aliens por isso é que ela se pôs em cima de um gajo doentissímo) porque ela precisava do sémen para uma das suas patifarias. O tal que levou o coração à mázona afinal matou um porco...muito bem visto! E ela não ficou com o príncipe, andava lá um com ares disso mas não era, mas sim com um dos anões que também de anão...não tinha nada!
Já me perdi com isto tudo...que eu queria falar mesmo era do que as mulheres esperam dos homens...fica para outro post ;)

Resposta n.º 4...ao Procura-se

Mais um homem com eles no sítio que se atreve a alinhar na brincadeira!!

JP:Como gosto de um bom desafio cá vai !
Gajo bom
não oiço outra coisa na rua, tenho que as afastar com os pés, tal é a velocidade com que se atiram para o chão à minha frente !!
entre os 30 e 40 anos
confere, ainda muito perto dos 30 !!
com boa forma física, habituado a fazer flexões e abdominais
habituadíssimo...flexões, abdominais, nadar muito ... !! é só conferir !
dentição completa e tratada
Esta é que me lixa!! ... tratada está, mas já só tenho 31 dentes ... mas os da frente estão cá todos, hein?!! tenho um sorriso apresentável!
com a unha dos dedos mindinhos do tamanho das outras oito, curtas, sem serem roídas, que isso mostra sinais de nervosismo/insegurança
todas iguais e deixei de roer há um ano !! já estou seguro ou quê ??!!
alto, moreno com olhos claros de preferência que não seja vesgo
o que é que têm contra os gajos que não são morenos ? mau, mau, mau, mau !!! ando a notar um padrão !! ... de resto confere !!
inteligente, com bom humor
e que outro tipo de gajo é que respondia a um questionário destes ??!!
com um andar normal, ou seja nada de andar à gingão que isso dá ar de...rabeta...portanto procura-se hetero a 100% mas sem ser...machista...que isso na volta também dá um ar de ...rabeta,
andar normal !! se os pés às dez pára as duas não fazem confusão !!
remediado...financeiramente...e de tamanho (média portuguesa),
remediado, pois claro ....agora se o tamanho se mede pelo numero de casas à esquerda da virgula, então aí estamos mal !!!!
cabelo...penteado, não precisa de ter todo,
cabelo ainda tenho ... e penteado .... mais ou menos ... uma vez que é muito curto (pente 3), visto que já vai caindo muito e há que remediar a situação !!!

Com bom performance na cama, portanto, que não ressone...
se a boa performance se mede pelo não ressonar, então é muito boa desde que não esteja constipado a dormir de barriga para cima !!!
e até sou gajo para fazer um cafuné à menina !!!

Agora a cena das fotos é que tá escasso ... da última vez que mandei fotos minhas apareci nas revistas e na net !!! e lido mal com a fama !! não vai dar !!! AH ! :) (brincadeirinha né?), ah e a primeira resposta também era uma brincadeirinha!!! embora tenha a convicção que até sou um gajo que sim senhoras !!!


PS: Peço desculpa ao JP por não ter postado mais cedo mas é que este email foi parar ao SPAM

Bloopers na TV

Absolutamente fabuloso!

Reparem como o apresentador perde completamente o controlo.

Mesmo sem conhecer a lingua dá para notar que a questão é séria uma vez que a senhora está numa cadeira de rodas com o lenço na mão. O marido está a TENTAR explicar uma que a vida sexual não passa por razões fisicas.

O apresentador não tem qualquer aliado no público que se mantém sério...à excepção de um sr. por trás do marido que põe a mão à frente da boca e de uma sra. que, ao lado do apresentador, ainda esboça um sorriso. Claro que quando o apresentador passa a palavra a um membro do público... quebra de vez o que até aí tinha tentado segurar...LOL

Só vendo. Vou deixar uma versão legendada em inglês (mas mais curta) no "Tudo ao molhe"!

Adolescência...


Por vezes há situações que nos apanham desprevenidos e que nos fazem pensar em tempos já há algum tempo idos. A adolescência!

Hoje foi um desses dias. Na estação de comboios notei que estava uma pessoa que não é habitual ver-se por lá. Olhei de esguelha, ou seja, disfarçadamente porque era um homem bem bonito, mulato, cabelo grisalho e encaminhei-me para o meu banco habitual. Quando entro no comboio e me vou a sentar ouço o meu nome e olho para trás. Era o tal homem. Assim que ele falou reconheci-o como um dos rapazolas que em tempos fizeram parte do meu grupo. Sempre foi bonito aquele magano e...continua. Como é hábito nestes casos trocámos informações sobre a nossa vida e recordámos alguns "membros" (ui, isto agora até soou a gang) do grupo que nunca mais ninguém lhes pôs a vista em cima. E imaginem...ele chegou à conclusão que a vida a partir do 20 corre e foge-nos. Conheci-o tinha ele 21 e ele já vai nos 41. Tive para lhe pedir o contacto mas depois achei que o melhor seria encontrarmo-nos outra vez por aí. Talvez daqui a 10 dias ou quem sabe daqui a 10 anos.

O tempo passa e só damos por isso quando a nossa memória vai buscar as histórias em que éramos todos inocentes...Bons tempos!
A Adolescência!

Que devem fazer...

Então é assim...quem detectar, pelo site das finanças (ou de outra maneira), que tem um carro que já não era suposto ter, no seu nome,tem que:
1º passo - dirigir-se à Conservatória do Registo Automóvel para pedir comprovação em papel que o carro ainda está no seu nome.
2º Passo - dirigir-se à DGV:
- Pedir impressos próprios para a apreensão o veículo;
- Fotocópia integral e legível do BI;
- EntregarProva emitida pela Cons. Reg. Automóvel;
- Pagar 2,50 € para dar entrada da papelada na DGV.

Curiosamente, na DGV de Santarém entregaram-me o impresso 1406 (0,22 €) que eu levei para casa e preenchi cuidadosamente com os meus dados, os dados do carro e da pessoa a quem o vendi. Até meti a língua de fora, tal o esmero em que pus, para fazer uma letra bonitinha e em maiúsculas. Depois meti a papelada em Lisboa...o impresso já não era aquele (não percebi-devia ser tudo generalizado) tive que ir comprar outro (+ 0,22 €) e preenchê-lo, ajoelhada, a um canto e... a letra ficou toda torta!
Digam-me lá...porque é que uma pessoa se rala...em meter a língua de fora?

Voltas e reviravoltas...


Na semana passado mais precisamente no dia de Santo António, dia 13, foi feriado em Lisboa. Esta menina planeou com antecedência o seu dia para o aproveitar da melhor maneira. A intenção era resolver alguns assuntos burocráticos na creche do gajix, ir ao posto médico buscar uns papéis ir ao banco tratar de outros assuntos burocráticos depois passava numa clínica para ir buscar outro papel e finalmente depois de tratar da "depilação" do sanupa poderia ir para casa ler, ouvir música e ficar tranquila no sofá. Era um bom plano não fosse ficar gorado pelo que aconteceu na segunda feira à noite. Fui para o site das finanças buscar o impresso para pagar o selo sobre os veículos e, arrepiando caminho na história, em vez de um selo tinha dois para pagar. Quando me apercebi que o outro selo era de um carro que já tinha vendido à 9 anos. Deu-me um treco logo ali! Quis imprimir o papel com a referência mas perdi-me...o botões desviaram-se todos. O rato não clicava nos sítios certos. Tudo o que via era aquela matricula já há muito quase esquecida. O que me valeu foi que tinha o meu socorrista privado, on-line, que me orientou. Claro que na quarta-feira tratei da burocracia e fui a correr para a DGV. Tive lá quase todo o santo dia...pppfffffff...dali para a conservatória do registo automóvel....pppfffff...não descansei quase nada e ainda apanhei uma grande seca!

Pub #17...Axe

Desculpem insistir...mas este sim (mais completo do que na tv) ...é mais decente!

Quero saber qual de vocês mulheres...nunca pensou em fazer isto a um desconhecido!

Que grande apalpanço pá!

Que se apresente aquela que nunca o pensou fazer...LOL

Ps: A rapariga não me é estranha...quem será?

pub # 16....Axe

'Bom Chicka Wah Wah'

Que acham que ela diz?

Bom...chica baba(-se) ou chica bau-au (ladra)?

Vamos lá a ver...um homem perfumado é sempre agradável mas, como diz o outro, haja minimos! O senhor não é muito atraente...

Ela puxa por uma linha invisível (portanto descose o fato ao senhor) e corta-a com a boca? Para quê? Se tem que puxar a linha para lhe arrancar a roupa...

Aquilo ja era combinado, de certeza (!), porque não há linha nenhuma e a roupa sai exactamente como a roupa de um striper. Daí se conclui que ele tem vida dupla e é striper mas então que raio de roupa interior é aquela?

Hilariante!

Vejam só o que os homens sofrem com um pouco de cheirinho...é quase de chegar ao vómito...LOL

Gosto especialmente daquele peidinho de pó talco e do sr. que, sabendo para o que vai, já leva o fato espacial completo! ;)

Reclamação...à Planeta Editora


Aqui fica, à falta de melhor, a minha última reclamação! Sim, tenho o "dom" adquirido de ser chata a quem me chateia mesmo que indirectamente!

'Sou fã do autor Bernard Cornwell. Como tal sigo a colecção que a Planeta Editora edita, traduzida, deste autor e tenho sempre o último livro editado. Cada livro custa à volta de 19 euros mas sendo fã...faço esse esforço. Assim sendo, além de todos os outros livros deste autor, sigo atentamente as aventuras de Sharpe. O último que comprei foi precisamente “Sharpe e o Cerco de Badajoz” e lamento informá-los mas foi o pior livro que já alguma vez li editado por alguma editora. Não é o livro em si. Não é a história em si que ao jeito de B. Cornwell continua a ser interessante mas foram os erros crassos e abismais que o livro contém do princípio ao fim, que me levaram a emitir tal opinião. Já tinha reparado que os livros tinham um ou outro erro (os anteriores) mas este ultrapassa o limite do aceitável. Este livro deve ter no mínimo uns 200 erros, entre ortografia, pontos e virgulas que não se deviam colocar, palavras em falta, uma ou outra frase cujo sentido não se percebe e uma ou outra palavra mal traduzida. Não que eu seja perita em ortografia e por essa razão é que me saltou à vista tamanha deficiência, porque consigo imaginar que uma pessoa que seja letrada nesses assuntos apanhará o choque da sua vida literária! O cliente quando lê gosta de ter prazer em fazê-lo de uma forma correcta não só porque paga por todo um serviço que passa pela tradução e revisão como também porque aprende sempre novas formas de ler. Esse é o vosso papel: “ensinar” pela leitura.
No entanto, nem tudo estará perdido (no futuro) uma vez que estou disposta a disponibilizar algum do meu tempo para fazer uma última revisão a este autor em troca evidentemente do livro (revisto)!


Grata pela atenção dispensada!

Com os meus melhores cumprimentos, '

P.S: Sim, já sei Lino Centelha que vais detectar erros neste texto...mas este a tê-los já seguiu...mesmo assim para a editora. Podes assinalá-los (nos coments deste Blog, ó faz favor) porque assim na próxima reclamação já não os repetirei ;)

3ª reposta ao ....procura-se

Enviado por email pelo Javardolas

Gajo Bom…é comó milho meninas, de qualidade que não escorrega por qualquer lambisgóia, sim que um homem tem mínimos…

30 e 40 E tal !!!..como diria um amigo meu, meio fedorento…gato va !

Forma física Excelente, este corpinho foi esculpido pelos Deuses….tipo por mão própria….sim que aqui o menino nasceu abençoado…

Dentição Completa e tratada… ta tudo tratado , mas completa a base de placas, que as nozes eram duras pra carago.

Lindas unhas e coerentes, o u o….tipo esquadria de pedreiro…melhor que isto só a dentadura do Portas…

Alto, ah mas na boa, mais alto que todos os gajos com 1.70….não há um gajo de 1, 70 mais alto que aqui o man…

Olhos verdes... e acastanhados vá, depende a camisola…e azuis também...com lentes…

Humor…pra quê ? Queres humor vê o programa do Herman, os sempre em pé, os malucos do riso….meninas…

Andar de rabeta… mas que raio de coisa é essa…eu gosto de andar com um ar subtil e seguro que deixa as meninas doidas…tipo cavalgar rocinante..

Financeiramente e tal… mas pera aí, as meninas querem um “man” ou uma conta na CGD?...

Cabelo penteado…tsss….gasto uma fortuna em brilhantina…e também em gel natural…cuspo também, nos mais atrevidos…ou manteiga das torradas…mas só a que fica nos dedos, que eu prezo muito a minha higiene

Na cama… bom, ele é na cama, no sofá, no banquinho, na banheira, na janela, no banco do carro, no rodapé, na mesa da cozinha, nas escadas, na cave do coiso, e até contra a roda de um camião tir (estacionado, claro)

Pra candidatura vou-te mandar 3 poster tamanho 1:1 de frente lado e verso pra tu fazeres um modelo tamanho real e poderes babar-te toda pelo poster, …e vou-me esfregar neles pra tu sentires o odor macho que te levara à loucura pá!!!

do IRS só temos de esperar pelo reembolso do dito pra te levar a comer uma posta de bacalhau!

PS: não sei ao que me candidato, mas como andam pra aí umas dúzias deles a candidatarem-se a uma gaja qualquer de Lisboa (nem me lembro bem o nome dela…uma tal de Câmara, acho…)

Situação Caricata.


Ele há coisas....pfffffff Houve um dia da semana passada que olhei para as minhas unhas via-as com um tom amarelado e pensei: Hummm, será que foi da lixívia ou do Sonasol? Passados dois dias olhei para as mãos e ia-me dando um treco. Vi-as todas amareladas e pensei: Ai Jasus e a sua mãe, a virgem D. Maria! Isto é coisa para me andarem a envenenar! Como não tenho "amigos" dessa estirpe (digo eu) pensei logo imediatamente: nahhhh, isto deve ser alguma mistura de detergentes (lixívia, sonasol, ciff, ajax, fairy e esterilizador para biberons)...ou isso ou...a visicula está nas lonas e a dar as últimas! Ontem ao sair do banho estava, como habitualmente, a pôr hidratante no corpo e resolvi dar uma espreitadela ao espelho para ver as minhas maminhas, fazer poses e tal...quando de repente algo me desperta a atenção: uma mancha branca no centro dos meus seios...portanto no chamado...rego entre mamas. Olho melhor mas já quase em estado de choque convencida que me ir dar logo ali uma coisa ruim e para melhorar a disposição vejo outra mancha perto do umbigo. Paraliso completamente e penso: Pronto, já fostessss! De repente fui tocada por algo sublime - uma ideia lógica. Olhei para o hidratante que tinha ainda na mão e começo a ler: "Para peles claras a médias" e em letras garrafais mas que me tinham passado despercebido "Summer Beauty- Bronzeado gradual" Estou bronzeada! Não, não estou amarela. Estou bronzeada... às manchas mas bronzeada! Já posso ir para a praia sem passar vergonha por ser branquela! Até as unhas estão com um ar macilento mas é do bronze caraças... Agora, como sempre acontece quando vou à praia e fico bronzeada de modo natural, é esperar que a pele caia!

Sem ela...

Hoje não tenho grande inspiração. LOL.
Poderão pensar, mas para que é que precisa de inspiração se não faz textos que seja necessário pensar...só conta parvoíces...LOL. Nem apetece rir.
Bom...como não tenho nada para contar agora...andei a ver os blogs de outras pessoas.

Claro que encontrei um que me deixou...nem tenho palavras para o definir.
Este gajo escreve maravilhosamente bem! Mesmo muito bem...consegue-se ouvir o que escreve, vão lá e comprovem...leiam o texto "fim do banco".

Há pessoas...
Ps : Um pouco de publicidade...nunca fez mal a ninguém ;) apesar de este cartaz já...ser .

Diferença entre tu e você


Tu ou você? Ler com calma
Ora leiam lá com atenção: Sabem a diferença entre o tratamento por TU e por Você? Pensam que sabem, mas se calhar não sabem. Vejam abaixo um pequeno exemplo, que ilustra bem a diferença.

O Director Geral de um Banco, estava preocupado com um jovem e brilhante Director, que depois de ter trabalhado durante algum tempo com ele, sem parar nem para almoçar, começou a ausentar-se ao meio-dia. Então o Director Geral do Banco, chamou um detective e disse-lhe:
- Siga o Director Lopes durante uma semana e durante a hora do almoço.
O detective, após cumprir o que lhe havia sido pedido, voltou e informou:
- O Director Lopes sai normalmente ao meio-dia, pega no seu carro, vai a sua casa almoçar, faz amor com a sua mulher, fuma um dos seus excelentes cubanos e regressa ao trabalho.
Responde o Director Geral: - Ah, bom, antes assim. Não há nada de mal nisso.
O detective pergunta-lhe: - Desculpe. Posso tratá-lo por TU?
- "Sim, claro." - respondeu o Director geral surpreendido!
- Então vou repetir. O Director Lopes sai normalmente ao meio-dia, pega no teu carro, vai a tua casa almoçar, faz amor com a tua mulher, fuma um dos teus excelentes cubanos e regressa ao trabalho.

A língua portuguesa é mesmo fascinante!

Ps: Recebido por email. Não sei o que se passa com a letra mas vai ficar mesmo assim.

PDI


Vi-me obrigada a consultar um Osteopata. Andava com uma dor na mão esquerda que se recusou a passar. Como o gajix não “perdoa” e mesmo que eu lhe explicasse que não o podia agarrar e mandá-lo ao ar porque tinha uma dor na mão e ele não perceberia nada do meu discurso a não ser a palavra NAO... lá fui!
Entrei, passada uma hora do horário previsto, portanto já estava um pouco enervada porque ainda pretendia ir trabalhar de tarde, e sentei-me à frente dele. Do que é que se queixa, perguntou. Falei-lhe na mão e depois de uma boa conversa e respectiva “tareia” saí do consultório toda podre e com mais “doenças”.
Como comecei por manifestar um tique nervoso nos lábios. Mordi-os (pois claro já estava enervada) de lado e comecei logo também a ser “corrigida”. Portanto ele começou a falar de toda a zona da cabeça e a fazer testes. Ao que parece tenho o maxilar torto sendo essa a causa das minhas tonturas (de que não me queixei mas ele “descobriu”) e com possível perda de audição. Fazendo contas: 3 mazelas.
Vamos descer. Na zona da bacia tenho a coluna com qualquer coisa (nome técnico que ele deu e eu leiga não percebi...provavelmente por causa da falta de audição...LOL) esse “defeito” deve-se a ter uma perna mais curta que a outra. Fazendo contas: mais 2 mazelas.
Subindo outra vez. A dor constante que tenho no ligamento entre a coluna e o pescoço estendendo-se para a omoplata esquerda fê-lo emitir uns “hum, hum”. Ele aqui não atribuiu nomes talvez por se aperceber que eu não percebia patavina.
Entretanto, à medida que ia investigando as minhas mazelas, ele foi-me despido lentamente. Bom fui eu que tirei a camisola...a seu pedido...LOL. Ele tirou-me delicadamente um fio e apanhou-me o cabelo também com muita delicadeza. LOL. Eu cá acho que depois de detectar, que eu estava quase toda podre, até tinha medo de me tocar. LOL. Só que nunca ninguém me tocou assim...tão delicadamente. Para variar...não foi mau...embora de vez em quando ouvisse a coluna a estalar.
A conversa foi agradável, entre 2 ou 3 elogios, falámos desde lingerie com fios dentais, soutiens com colchetes dos dois lados, até à explicação da parte dele, da Fénix que renasceu das cinzas...eu deixei-o falar, apercebi-me que ele precisava disso. LOL. Devia ter ido para psicóloga...e vai daí até não!
Bom...já me perdi!
Já ia em 5 mazelas e 2 ‘hum hum’ e depois perguntei-lhe como era com a minha mão. A sua mão, respondeu, não deve ser do meu foro mas terá que fazer primeiro o Raio X.



P.S: Para que não sabe: PDI é a sigla para PUTA DA IDADE

Ora cá está...encontrei ;)

Mika- Love Today



Coitadinho...ele é tão magrinho!
Enfim...continuo a achar que ele tem uma certa influência do Freddie Mercury e nesta música um pouco de Erasure...digo eu...porque me apetece!

Devo confessar que esta não é tão...ao meu gosto...mas é a que se vai ouvir nos rádios...

Sakira

Bom...aos fãs da menina...podem de parar de ler por aqui! A gaja é gira e tal...acabou...vejam o vídeo!




Esta menina Colombiana alcançou sucesso, pelo menos por cá, com esta música. Não era para menos...a música é agradável, portanto comercial, entra bem no ouvida e até se pode cantarolar em dueto...LOL. A Shakira foi apresentada neste vídeo de uma forma sexy, com um movimento da ancas (my hips don't lie) muito sensual e... toda molhadinha.
A partir desta música, a pica baixou, não posso dizer como é óbvio que canta mal, porque não canta. Só que me irrita a voz dela com aqueles altos e baixos (não sei qual o nome técnico - Gorgolejar?). Irritar talvez não seja bem o termo...retorço os olhos quando a ouço e baixo o volume. Pronto! É uma agonia para mim ouvir a última dela que andam a passar na rádio comercial...a mulher parece que está a cantar um fado, mas depois parece que é um música espanhola ou cigana, ainda não percebi bem, e depois...grita, parece histérica!
Então não me querem lá ver isto!?! Para histérica basto eu.

Mika

O meu libanês preferido tem outra musiquita a rodar ;)
vou procurá-la e já cá venho...entretanto fiquem-se com esta meio infantil mas muito alegre...ou marota, depende da perspectiva ;)

Sucking too hard on your lollipop,
oh love's gonna getyou down,
Sucking too hard on your lollipop,
oh love's gonna getyou down.
Say love, say love,Oh love's gonna get you down.
Say love, say love,Oh love's gonna get you down.

2ª resposta ao...Procura-se

Esta candidatura foi enviada por email pelo Morpheus!
Mais um homem com tomates que alinha na brincadeira!


"Gajo bom," É o que eu sou, sou tão bom, mas tão bonzinho que costumo ajudar velhinhas a atravessar passadeiras, isso quando não estou a tentar atropela-las, mas é por engano.

"entre os 30 e 40 anos," Estou lá.

"com boa forma física, habituado a fazer flexões e abdominais," Isso é o que faço mais em cima da bike, por isso deve servir, às vezes também as faço na cama, ou no sofá, mas pronto não foi especificado onde tinha que as fazer :-D

"dentição completa e tratada,", Raios, tem que ser mesmo completa ? é que pelo menos um dos Sisos já se foi, e o carniceiro do dentista quer que eu tire o resto :(

"com a unha dos dedos mindinhos do tamanho das outras oito, curtas, sem serem ruídas, que isso mostra sinais de nervosismo/insegurança," Olha que coincidência, ainda hoje as cortei, quanto ao tamanho não sei mesmo, que isto com a tesoura ficam um bocado enviesadas.

"alto, moreno com olhos claros de preferência que não seja vesgo,", Alto ... conta ter estado lá no alto ? 4370 metros serve ? senão ... acho que caminho para o alto, deve servir.

"inteligente, com bom humor", Sim, acho que me posso incluir.

"com um andar normal, ou seja nada de andar à gingão que isso dá ar de...rabeta...portanto procura-se hetero a 100% mas sem ser...machista...que isso na volta também dá um ar de ...rabeta," Aqui não se pode ser de nenhuma maneira, raios ... mas acho que não tenho andar nenhum especial, e muito menos machista de cruz ao peito e camisa aberta com os pelos todos à mostra :-D

"remediado...financeiramente...e de tamanho (média portuguesa)," Ummm ... a conta tem o tamanho da média portuguesa realmente, ou seja a caminhar para o vazio ? ou será outros tamanhos ... está tudo na média e mais não digo :-D

"cabelo...penteado, não precisa de ter todo," ainda cá está todo, excepto o que cai no banho, é intrigante o cabelo só cair no banho, ou talvez não :P

"Com bom performance na cama, portanto, que não ressone.." Também me parece que passo nesta ... mas nada como fazerem o teste :P

Quanto ao resto dos pedidos ... tenho muita pena, mas a CGD já me pediu isso e ainda não levou ... o IRS não as fotos :-D

P.s: Continuo aguardar que mais alguém alinhe ;).

Resposta ao ...Procura-se!


Este sim, é um homem com tomates!

Não só tem textos que são uma delícia como se atreveu e alinhou na brincadeira apresentando a sua candidatura no seu blog.

E diga-se de passagem está feito com muito (bom) humor...que Ivar...meu magano...é um dos requisitos que se "procura"!


Bem feito sim senhor!


P.s: Gostava que outros senhores tivessem o mesmo atrevimento...fico a aguardar ;)



Asneirando...Feira do Livro III


Depois cometi uma asneira.

Para variar, passei há frente de carros com queijadas, gelados e farturas. Escolhi o das farturas e fui comprar uma. Vim com a fartura na mão e a pensar...ena que bom, esta é bem grande. Dei uma trincada e pronto...para mim estava bom...não me apeteceu mais...geralmente uso esta técnica quando estou acompanhada do gajo...ele comia o resto! Mas agora sem gajo não há quem coma estes fritos...só para eu me deliciar com a primeira trincada...ainda tentei dar outra...mas só debiquei...tive que pôr uma farturinha inteira no lixo...aquilo faz-me mal ao estômago. Que pena...não gosto de estragar comida assim!

Já sei, já sei...tenho mais olhos que barriga. Hummm...não, não é esse o caso. LOL


Adivinhando...Feira do Livro II


Encaminhei-me para outro stand e depois de tentar localizar alguns livros pelos títulos/autores, que tinha numa lista, dirigi-me ao senhor que lá estava dentro. No entanto o senhor de dentro estava numa "brincadeira" com outro cá de fora que era, com toda a certeza, seu colega. Eu esperei que eles acabassem de "brincar". Mas tive que dar a solução ao senhor de dentro senão ainda lá estava, agora, para obter a informação que queria.
Brincadeira: o sr. de dentro estava à procura de algo seguindo as indicações "morno", "quente", "frio" , do sr. de fora. Até que o de fora disse ao de dentro que estava atrás da água...eles tinham uma máquina de água dentro do stand...o de dentro procurou atrás do bebedouro...até que eu lhe disse querendo despachar-me: Há aí um livro com o titulo "Água"...e ele encontrou o que procurava.
Depois pedi a ajuda que queria...e eles foram os dois muito solícitos...passei-lhes a lista para a mão e só ouvi: "Não, não, Não!Mas deste autor, temos outro"...e eu lá vim com o livrito na mão. Alguém vai ter um livro que NÃO estava na lista. ;)

(continua)

Regateando...Feira do Livro I

Hoje decidi ir à feira do livro, outra vez. Decidi, assim, do pé para a mão, impulsivamente. Vou e pronto. Andei a tentar convencer algumas pessoas a irem comigo. Ninguém estava disponível: ou era em cima da hora ou não lhes apeteciam subir a encosta ou iam noutro dia já previamente combinado.
Fui, desanimada mas fui. De beicinho feito por ir sozinha lá segui caminho. Cheguei à feira e lentamente fui direita ao meu objectivo. Procurava um livro especifico que me tinham dito que saía no final desta semana. Fui na incerteza se o livro lá estaria mas caminhei com a esperança de o encontrar. Estava lá. De beicinho passei rapidamente a um sorriso. Estava lá exposto juntamente com os outros do mesmo autor. 18 euros achei muito caro e dar mais de 15 por um livro custa um bocadinho. Pensei, vou negociar. Andei a namorar a banca até ficar "vazia" de possíveis compradores e depois...chamei o senhor e disse que queria aquele livro mas que gostava que ele me fizesse ao preço do livro do dia (12 euros). O senhor olhou para mim hesitante mas eu fiz-lhe o meu melhor sorriso, esforcei-me mesmo, juntei uma piscadela de olhos inocente. Ele recusou: -Não posso! A esse livro não posso baixar o preço. Saiu mesmo agora. É novidade! - Mas ele tinha hesitado e eu continuei a negociação...LOL...e perguntei-lhe ainda com o meu melhor sorriso:
- e se eu comprar O Livro do dia e esse livro, não me pode fazer os dois ao mesmo preço?
- Os dois ao preço do Livro do dia? - perguntou ele hesitante.
- Sim!
- Hummm...este livro não posso...só se for a 14 euros. - disse ele muito baixinho - Pode ser?
- Pode!
- Muito bem! - disse ele e baixando a voz outra vez acrescentou - Mas não diga a ninguém, está bem? Senão...
Acenei com a cabeça. E ele perguntou em voz mais alta:-Então quais quer levar?
- Este e o do dia se faz favor! - respondi eu, cúmplice, também em voz alta recebendo o saco com os dois volumes satisfeitíssima.
(continua)

Procura-se....


Gajo bom,
entre os 30 e 40 anos,
com boa forma física, habituado a fazer flexões e abdominais,
dentição completa e tratada,
com a unha dos dedos mindinhos do tamanho das outras oito, curtas, sem serem roídas, que isso mostra sinais de nervosismo/insegurança,
alto, moreno com olhos claros de preferência que não seja vesgo,
inteligente, com bom humor
com um andar normal, ou seja nada de andar à gingão que isso dá ar de...rabeta...portanto procura-se hetero a 100% mas sem ser...machista...que isso na volta também dá um ar de ...rabeta,
remediado...financeiramente...e de tamanho (média portuguesa),
cabelo...penteado, não precisa de ter todo,
Com bom performance na cama, portanto, que não ressone...


Mandem candidatura para o email acima fixado, com 3 fotos, uma de rosto com sorriso, duas de nu integral-frente e verso, Declaração de IRS e um texto com os seus predicados.
Ao candidato mais original na sua resposta será dada a opção de fazer parte do nosso círculo de amizades e publicação da dita.